O que o RH precisa  saber sobre o auxílio-doença

O auxílio-doença está previsto na lei 8.213/91, que trata da Previdência Social. É um benefício pago pelo INSS como forma de substituir o salário de um colaborador incapacitado de trabalhar temporariamente por doença, acidente de trabalho ou doença ocupacional.

O que é?

Qual o cálculo do auxílio-doença?

O cálculo geral é esse: faz-se a média aritmética simples de todos os salários de benefício. Sobre o cálculo, aplica-se a alíquota de 91% (por exigência da lei).  Porém, o valor não pode ficar acima da média dos últimos 12 salários de contribuição. Se não houver 12 contribuições, não pode exceder média de todas as contribuições existentes.

Os dados bancários e a instituição onde o pagamento é feito são informados na carta de concessão do benefício. Também é possível acessar os dados no portal Meu INNS ou ligar para o telefone 135.

Onde receber o auxílio-doença?

Quando pedir o auxílio-doença?

Quem é colaborador de uma empresa tem que completar 15 dias de afastamento para ter direito ao auxílio-doença. Não é necessário que esse período seja corrido. O benefício pode ser concedido se houver afastamento do trabalho por 15 dias dentro de um período de 60 dias.

Após 15 dias longe do trabalho por condições de saúde, colaboradores devem acessar o pagamento via INSS

Leia o artigo completo!